home > Tutoriais > Bauhaus no Pho­to­shop
Bauhaus no Pho­to­shop Imprimir E-mail
Escrito por Thiago Justo   
Seg, 18 de Junho de 2012

Em recente visita ao site do MoMa, o museu de arte moderna de Nova York, que possibilita o acesso vir­tual a todo o ma­te­rial de algumas exposições que já aconteceram por lá, me deparei com uma fotografia muito interessante que fazia parte da exposição de 2009 sobre a Bauhaus, primeira escola de design do mundo, cria­da em 1919, uma das maiores e mais importantes expressões do Modernismo no design e na arquitetura.
Essa fotografia sem título, de 1931, é de um artista alemão até então desconhecido para mim: Hajo (ou Hans-​­Joa­chim Rose, 1910–1989). Achei muito interessante o efeito gráfico da fotografia, como se fosse um retrato cons­ti­tuí­do por um edifício.


Fiquei imaginando como foi o processo de produção da imagem. Provavelmente o artista fez uma revelação com uma dupla exposição de imagens diferentes e algum tipo de mascaramento.
Num mundo cada vez mais digital e com a fotografia analógica escassa, imaginei como seria reproduzir esse efeito sem a ajuda de um am­plia­dor ou dos negativos das fo­to­gra­fias, usando apenas fotografia digital e o Photoshop. Depois de algumas tentativas, acho que cheguei a um resultado bem próximo. Confira as etapas da produção neste tu­to­rial.
Requisitos: Adobe Pho­to­shop.


A primeira etapa do trabalho é escolher duas imagens com que você pretende trabalhar. Feito isso é só abri-​­las no Pho­to­shop (Ctrl+O). Para este tu­to­rial escolhi imagens com o mesmo tema retratado por Hajo: um retrato e uma fotografia de pré­dios da cidade.


O primeiro passo é converter a imagem dos pré­dios em tons de cinza (grayscale). Para isso utilize o menu Image Mode Grayscale . Depois crie uma nova camada neste documento (menu Layer New Layer ou pelo atalho Ctrl + Shift + N), se­le­cio­ne toda a camada (Ctrl + A) e pinte essa camada de branco. Se não estiver com a janela de camadas aberta, abra-a (Window Layer).

 

 

 

 

 

 

 

 

Agora transforme a background layer em camada simples. Para tanto, basta dar um duplo clique em cima dela. Po­si­cio­ne a camada que você pintou de branco abaixo da camada da imagem dos pré­dios. Arraste a imagem do retrato para o mesmo arquivo da imagem dos pré­dios e po­si­cio­ne de acordo com a sobreposição de imagens que você pretende fazer.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Se a imagem estiver em RGB ou CMYK, o Pho­to­shop já a transforma automaticamente em tons de cinza. Se precisar, use o comando de brilho e contraste (menu Image Adjustments Bright­ness/Contrast) para aumentar o contraste das imagens.

 


Se­le­cio­ne a camada do retrato e abra a janela dos canais de cor (Channels). Como a imagem está em grayscale, ela possui somente um canal de cor: o preto. Clique na janela do canal com a tecla Ctrl ou Command pres­sio­na­da. Isso faz com que a imagem do canal se torne uma seleção. Com a seleção ativa, inverta-a (menu Select Inverse ou pelo atalho Shift + Ctrl + I).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Volte na janela das camadas (layers), se­le­cio­ne a camada da cidade e tire a vi­sua­li­za­ção das demais camadas do documento. Depois crie uma máscara rápida clicando no botão “Add layer mask” da camada. Ao ­criar a máscara, esta fica vinculada à imagem da camada.


Deste modo você consegue mascarar a imagem da cidade somente nas ­­áreas de grafismo da imagem do retrato, conseguindo um efeito bem próximo de fo­to­gra­fias com dupla exposição. Agora, deixe visível o fundo branco. Se quiser uma imagem mais escura, basta duplicar a camada que possui a máscara. Pronto! Para finalizar, você pode excluir as camadas não visíveis e achatar a imagem.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Veja como fica a imagem final.


Para obter mais informações sobre a Bauhaus e conferir todo o ma­te­rial da exposição, inclusive outros trabalhos de Hajo, visite o site do Moma em www.moma.org/interactives/exhibitions/2009/bauhaus.

Thiago Justo é instrutor de pré-​­impressão da Escola Senai Theobaldo De Nigris.

Texto publicado na edição nº 82