home > Entrevistas > Acordo entre manroland e Océ prevê desenvolvimento técnico em longo prazo
twitter
Banner Facebook

Parceiros

Acordo entre manroland e Océ prevê desenvolvimento técnico em longo prazo Imprimir E-mail
Escrito por Tânia Gulluzzi   
Qua, 23 de Março de 2011

No final de dezembro, a manroland, fornecedora de sistemas de impressão offset, e a Océ, fabricante de impressoras di­gi­tais, anun­cia­ram uma alian­ça de coo­pe­ra­ção global na área de soluções de impressão digital ba­sea­das em jato de tinta para a indústria gráfica. A parceria, que entrou em vigor em 1º de ja­nei­ro, permite à manroland, tra­di­cio­nal no desenvolvimento e fabricação de tec­no­lo­gias offset de alta produtividade, entrar no mercado de impressão digital. Já a Océ, es­pe­cia­lis­ta em integração de sistemas, gestão de fluxo de trabalho e impressão de dados va­riá­veis, terá agora acesso a clien­tes de novos segmentos, am­plian­do as oportunidades de ne­gó­cios no mercado de artes gráficas. Na entrevista a seguir, Franz von Fürstenberg, diretor executivo da fi­lial bra­si­lei­ra da manroland, detalha essa parceria.

O que levou a manroland a escolher a Océ como par­cei­ra?
Franz von Fürstenberg
– Com relação ao conhecimento técnico, bem como à penetração no mercado, Océ e manroland representam uma excelente combinação: a manroland é um dos prin­ci­pais fabricantes mun­diais de sistemas offset e líder em offset rotativa para jornal e no segmento de alta qualidade para impressão co­mer­cial. A Océ, por ou­tro lado, desenvolve e fabrica sistemas de alto desempenho em impressão digital, tem as competên­cias fun­da­men­tais em ge­ren­cia­men­to de cores, na geração e conversão de dados para impressão digital, bem como na au­to­ma­ção da produção, além da liderança mun­dial em vendas de sistema de impressão digital de alimentação contínua.
Por que a Océ decidiu ter a manroland como par­cei­ra?
FF
– A Océ decidiu em favor da manroland por ela ser a segunda ­maior fabricante de sistemas de impressão offset e líder global no mercado de impressão offset rotativa. A manroland permite à Océ uma cobertura de mercado significativamente ­maior junto à indústria gráfica.
O que esse acordo envolve?
FF
– O acordo trata de mar­ke­ting, vendas e serviços referentes à tecnologia de impressão jato de tinta para sistemas in­dus­triais, inclusive abrangendo todas as etapas de fabricação. A partir de agora, a Océ e a manroland, conjuntamente, passam a oferecer aos clien­tes de artes gráficas soluções completas de impressão digital, que in­cluem serviços de consultoria e assistência técnica.
A impressão digital será uma divisão dentro da manroland? Como funcionará essa estrutura?
FF
– As atividades estão concentradas na unidade de ne­gó­cios de Impressoras Co­mer­ciais Rotativas. Para o desenvolvimento gra­dual e expansão das atividades, bem como a geração de know-​­how interno, um centro de espe­cia­li­za­ção em impressão digital está sendo organizado em Augsburgo, na Alemanha. Na Océ, essa atividade está in­cluí­da na Unidade de Ne­gó­cios Estratégicos de Impressão.
Em ­quais paí­ses o acordo é válido?
FF
– A manroland está au­to­ri­za­da a dis­tri­buir os sistemas de impressão digital em todo o mundo para os clien­tes da indústria gráfica, em parceria com a Océ.
Qual é o po­ten­cial desse mercado?
FF
– A demanda por sistemas de impressão digital é im­pul­sio­na­da principalmente pelo au­men­to da personalização de produtos impressos, mas também pela tendência de produção just-in-​­time. A evolução tecnológica e a melhora na qualidade de impressão e na velocidade dos sistemas, com redução simultânea dos custos, são fatores que também estão alavancando a demanda. A impressão digital já tem uma participação de mercado de 15%, com volume de impressão cada vez ­maior. Inúmeras gráficas em todo o mundo já investiram em impressão digital. O volume movimentado por produtos impressos em sistemas jato de tinta deve subir de US$ 28,375 mi­lhões, em 2010, para US$ 43 mi­lhões em 2014, o que representa um crescimento de mais de 10% ao ano, segundo estudos da Pira In­ter­na­tio­nal.
­Quais os concorrentes da manroland e da Océ no mercado de impressão digital?
FF
– Além dos fabricantes tra­di­cio­nais de impressoras, que também estão em busca de soluções similares, fabricantes de impressoras di­gi­tais e de acabamento estão cada vez mais alinhados com a produção em impressão digital para a indústria gráfica. Com a combinação de nossas habilidades, a manroland e a Océ podem apresentar uma proposta única: somos o pri­mei­ro participante do mercado que pode oferecer soluções completas em impressão digital.
Que efei­tos terá essa parceria nas diversas fábricas da manroland?
FF
– A manroland cria­rá um centro de es­pe­cia­li­za­ção de impressão digital na fábrica de Augsburgo, na Alemanha.
E na Océ?
FF
– As ­­áreas de vendas e consultoria da Océ, bem como serviços, vão trabalhar junto com as ­­áreas de mercado da manroland.
Quan­to será investido nessa parceria?
FF
– Não há investimento direto as­so­cia­do a esse acordo. Esperamos resultados fi­nan­cei­ros positivos a partir de 2012.
Quem são os res­pon­sá­veis por esse projeto na manroland e na Océ?
FF
– Robert ­Weiss, que comanda as ­­áreas de tecnologia e desenvolvimento de ne­gó­cios, será responsável pela gestão de projeto na manroland. Na Océ será Steffen Doe­gel, que coor­de­na a unidade de ne­gó­cios estratégicos.
A parceria irá se limitar à área de vendas ou poderá se expandir para o desenvolvimento técnico?
FF
– Com relação à manroland, além das vendas, a colaboração inclui o desenvolvimento e integração de componentes, como sistemas de acabamento para dobra e aplicação de verniz, crian­do valor para os clien­tes da indústria gráfica. Quan­to à Océ, a coo­pe­ra­ção possibilitará que a empresa au­men­te sua cobertura de mercado na indústria gráfica. O desenvolvimento técnico não pode ser ex­cluí­do em longo prazo, uma vez que dessa forma a Océ será ain­da mais capaz de responder às necessidades dos clien­tes.
A Océ venderá impressoras manroland?
FF
– A manroland irá fornecer componentes in­di­vi­duais à Océ, como dispositivos de dobra e envernizamento, permitindo que ela ofereça novas soluções aos seus clien­tes.
Quem será responsável pela instalação das impressoras di­gi­tais?
FF
– A instalação será rea­li­za­da pela Océ ou seus par­cei­ros na área de vendas.
Quem será responsável pela manutenção e serviços em impressão digital?
FF
– A assistência técnica será ini­cial­men­te prestada pela Océ, até a manroland adquirir o know-​­how interno necessário.
­Quais produtos da Océ serão oferecidos pela manroland?
FF
– O portfólio completo de sistemas in­dus­triais de impressão jato de tinta, in­cluin­do a família Océ JetS­tream, além da Océ Co­lorS­tream 3500.
A manroland está planejando novas par­ce­rias na área de impressão digital?
FF
– Não.
E a Océ pretende uma ­maior coo­pe­ra­ção na área de offset?
FF
– Também não.

Texto publicado na edição nº 76